Ata da Sexta Assembléia Geral da ASAEE

ATA DA SEXTA ASSEMBLÉIA GERAL DA
ASSOCIAÇÃO SUL AMERICANA DE ENGENHARIA ESTRUTURAL

  Faça Download do PDF da Ata  pdficon_large    get_adobe_reader

ATA DA ELEIÇÃO DO CONSELHO CIENTÍFICO

 

Às dezessete horas e vinte minutos do dia vinte e nove do mês de maio de 2002, reuniram-se os membros da Associação Sul Americana de Engenharia Estrutural, no Salão Principal do Prédio da FINATEC, Universidade de Brasília (UNB), Brasília, Brasil.

            A Mesa Diretora da Assembléia estava formada pelos membros presentes da Comissão Diretiva da ASAEE, composta pelo Presidente, Engo Jorge Daniel Riera, pelo Vice-Presidente, Engo Rodolfo Danesi, pelo Membro II, Engo Guilherme Sales Melo (Brasil 2002) presidente das XXX Jornadas, pelo Membro III, Engo Carlos Llopiz (Argentina 2004) e pelo Engo Dario Lauro Klein. O Membro I, Engo Gerardo Rodriguez (Uruguai 2000) não participou por problemas pessoais.

            Iniciada a reunião, foi indicada para secretariar a Assembléia a Enga Virgínia Maria Rosito d’Avila (Brasil), que teve seu nome aprovado por unanimidade.

            A seguir, o Presidente, Engo Jorge Daniel Riera, colocou em votação a ordem do dia, que apresentou os seguintes tópicos:

    1) Eleição do Secretário de Atas;

    2) Aprovação da Ordem do Dia;

    3) Aprovação da Ata da Assembléia de 17/11/2000 (Punta del Este, Uruguai);

    4) Informe da Presidência;

    5) Eleição dos Revisores de Contas;

    6) Prestação de Contas;

    7) Eleição de Membros do Conselho Científico;

    8) Confirmação da sede e do Presidente das XXXI Jornadas em Mendoza, Argentina;

    9) Eleição do Presidente e Vice-Presidente;

   10) Escolha da sede e data das XXXII Jornadas;

   11) Alteração dos Estatutos / Gerenciamento Financeiro;

   12) Assuntos diversos.

            Posta em votação, a ordem do dia foi aprovada sem alterações.

           

3) Aprovação da ata no 5

            A leitura da ata no 5 foi feita pelo Engo Dario Lauro Klein.

            O Engo Mauro Augusto Demarzo (Brasil) explicou a alteração na duração do mandato de presidente e vice-presidente proposta por ele na assembléia anterior e questionou se este assunto se encontrava na pauta. O Engo Riera prontamente esclareceu que o assunto faz parte do item 11), como previsto na convocação da Assembléia.

            Após este esclarecimento, ata no 5 foi aprovada por unanimidade.

 

4) INFORME DA PRESIDÊNCIA

            O Presidente da ASAEE, Engo Riera, fez um relato da sequência de acontecimentos ocorridos desde a última Assembléia, de novembro de 2000 em Punta del Este.

            O primeiro assunto exposto foi a escolha da sede das próximas Jornadas. Como em Punta del Este não foram apresentadas propostas para a sede das Jornadas de 2004, a Assembléia Geral delegou à Comissão Diretiva a responsabilidade de escolher dita sede. Segundo o relato do Engo Riera, após contatos realizados nos primeiros meses de 2001, pelos engenheiros Danesi e Bignoli, ambos da Argentina, foi recebida uma proposta de Mendoza (Argentina) como sede e do Engo Carlos Llopiz como presidente. Em uma reunião ocorrida em setembro de 2001 em Buenos Aires, sem custos para a entidade, com participação dos engenheiros Riera, Danesi e Bignoli e do Engo Francisco Crisafulli representando o Engo Llopiz, ficou aprovada a indicação de Mendoza como sede e do Engo Carlos Llopiz como seu presidente.

Assim, o Engo Carlos Llopiz  passou a ser o Membro II da Comissão Diretiva da ASAEE. O Engo Riera fez uma breve apresentação do Engo Carlos Llopiz  e sugeriu que a Assembléia homologasse Mendoza como sede e o Engo Carlos Llopiz como presidente das XXXI Jornadas. O Engo Ambrosini (Argentina) lembrou que a homologação está prevista no item 8 (oito) da pauta aprovada previamente. O Engo Riera concordou que a pauta da reunião fosse seguida.

A seguir, o Engo Riera comentou sobre a formação do Conselho Científico. Ele relatou que, por sugestão feita em Punta del Este, pelo Engo Mario José Paluch (Brasil), a eleição seria feita via correio e que este tema será tratado no item 7 (sete) da pauta.

Finalmente, o Engo Riera informou que tinha feito contatos preliminares com docentes da Universidade Nacional do Chile e da UNICAMP, que mostraram interesse em sediar as Jornadas de 2006.

 

5) ELEIÇÃO DOS REVISORES DE CONTAS

6) PRESTAÇÃO DE CONTAS

O Engo Riera, presidente da ASAEE, pediu que o Engo Dario Lauro Klein apresentasse a prestação de contas do período 2000 a 2002 e, a seguir, lembrou da necessidade da indicação pela Assembléia de 2 (dois) membros da ASAEE como revisores de contas.

O Engo Ambrosini (Argentina) propôs o nome do Engo Ronaldo Batista (Brasil) que, prontamente, indicou o nome do Engo Ambrosini. A Assembléia aprovou por unanimidade o nome dos dois como revisores de contas.

Finalizada a prestação de contas, pelo Engo Dario Klein, o Engo Riera se colocou à disposição para perguntas.

O Engo Demarzo (Brasil) perguntou se o saldo existente seria aplicado na publicação da Revista Científica. O Engo Riera disse que uma das tarefas iniciais do Comitê Técnico da Revista seria a de angariar fundos junto a órgãos específicos (CAPES, FINEP, etc.), mas que parte dos recursos da ASAEE estariam disponíveis com esse fim.

Após, o Engo Ambrosini (Argentina) indagou que tipo de aplicação financeira está sendo dada ao dinheiro. O Engo Dario Klein explicou que o dinheiro está aplicado no “BB FIX – EMPRESARIAL, do Banco do Brasil” e que periodicamente ocorrem transferências da aplicação para a conta corrente para cobrir despesas. Então o Engo Ambrosini sugeriu transformar o saldo em dólares. O Engo Riera explicou que pessoas jurídicas somente podem manter contas em dólares no exterior mediante autorização expressa do Banco Central, o que julgou impraticável no momento. Finalmente, o Engo Riera disse que qualquer ajuda na administração financeira dos recursos da ASAEE será bem vinda.

Então, os engenheiros Ronaldo Batista e Ambrosini se reuniram com o Engo Dario Klein para revisar a prestação de contas. A submissão à Assembléia da prestação de contas ficou adiado até o final desta reunião.

A prestação de contas encontra-se em anexo.

 

7) ELEIÇÃO DE MEMBROS DO CONSELHO CIENTÍFICO

            O Engo Riera iniciou o debate ressaltando que os membros do Conselho Científico devem ser pessoas com alto nível técnico e científico. Após, lembrou que a eleição foi feita via correio e que apenas 37 (trinta e sete) votos foram encaminhados à secretaria em Porto Alegre, RS, Brasil, sendo que na primeira chamada apenas 12 (doze) votos tinham sido recebidos.

            O Engo Demarzo pediu um à parte para dizer que sua correspondência tinha retornado. O Engo Riera disse que não sabia a razão disto e que talvez outras correspondências também possam ter retornado. Ele também falou que, devido ao pequeno número de votos recebidos, a homologação dos nomes do Conselho ficou para aprovação nesta Assembléia.

            A seguir, o Engo Riera fez um breve relato da apuração dos votos feita na UFRGS (Brasil) e do resultado desta apuração. A ata da apuração dos votos encontra-se em anexo. Sugeriu, então, a homologação pela Assembléia dos nomes dos candidatos mais votados por país e que, nos casos de empate, a Assembléia escolhesse um nome. Também sugeriu que, no caso de empate entre candidatos com apenas 1 (um) voto, nova votação fosse efetuada.

            A eleição se seguiu com a votação nominal de cada um dos candidatos.

Inicialmente se fez a votação dos candidatos por país:

·        Argentina: Rodolfo Danesi – homologado por unanimidade

·        Bolívia: aberto – decisão conselho

·        Brasil: Jorge Daniel Riera – homologado por unanimidade

·        Chile: Rodolfo Saragoni – homologado por unanimidade

·        Colômbia: Omar Cardona, Jorge Hurtado, Luis Garcia – decisão conselho

·        Equador: Roberto Aguiar – homologado por unanimidade

·        Paraguai: aberto – decisão conselho

·        Peru: Julio Kuroiwa, Hector Gallegos Vargas, Marcial Blondet – decisão conselho

·        Uruguai: Gerardo Rodrigues (10 votos) – homologado

                      Alberto Ponce Delgado (4 votos)

                      Abstenções: (7 votos)

·        Venezuela: Carlos Genatios, Marianela Lafuente – decisão conselho

Antes de iniciar a votação dos outros 5 (cinco) candidatos, independente do país de origem, o Engo Guilherme Sales Melo (Brasil) ressaltou que o cargo é vitalício e, assim, pediu uma nova rodada de eleição para que estes 5 (cinco) candidatos, com o intuito de se conseguir uma abrangência maior de votos. O Engo Riera pediu a opinião da Assembléia. Após uma longa discussão sobre o assunto, foi colocada em votação a proposta para que a Assembléia delegasse, aos cinco Membros do Conselho já homologados, a escolha dos 5 (cinco) candidatos independente do país de origem. O resultado da votação foi a seguinte: 19 (dezenove) votos à favor; nenhum voto contra; 2 (duas) abstenções.

 

8) CONFIRMAÇÃO DA SEDE E DO PRESIDENTE DAS XXXI JORNADAS EM MENDOZA, ARGENTINA

Como o Presidente da ASAEE, Engo Riera, já tinha feito um relato sobre a escolha da sede e do presidente das XXXI jornadas no item 4), se passou diretamente para a aprovação da Assembléia. A sede em Mendoza e o presidente Engo Carlos Llopiz foram homologados em votação por unanimidade.

            O Engo Riera parabenizou o Engo Carlos Llopiz e colocou a palavra à disposição do mesmo. O Engo Carlos Llopiz  agradeceu a confiança depositada nele e fez uma exposição, via diapositivo, sobre Mendoza.

 

9) ELEIÇÃO DO PRESIDENTE E VICE-PRESIDENTE

            Colocada a palavra à disposição dos membros da Assembléia, o Engo Dario Klein propôs reconduzir a atual Comissão Diretiva, pois, segundo ele, o período de um mandato é muito curto. Ele também ressaltou o fato do Vice-Presidente, Engo Rodolfo Danesi, ser argentino, o que ajudaria o contato entre a ASAEE e a organização das próximas jornadas.

            O Engo Demarzo pediu a palavra para salientar que a atual Comissão Diretiva foi eleita por um período de dois anos, sendo assim, o término de seu mandato seria apenas em novembro de 2002. O Engo Riera reiterou que o período de mandato da Comissão Diretiva vai ser discutido no item 11) e propõe a continuidade da eleição.

            O Engo Riera pergunta aos membros da Assembléia se há alguma outra proposta alternativa e ele mesmo propõe o Engo Danesi para Presidente e o Engo Dario Klein para Vice-Presidente. Em seqüência, o Engo Danesi pede a palavra para propor o o Engo Riera para Presidente e o Engo Dario Klein para Vice-Presidente.

            Colocada em votação as três propostas, o resultado foi o seguinte: proposta do  Engo Dario (17 votos); proposta do Engo Riera (0 voto); proposta do Engo Danesi (0 voto); abstenções (4 votos). Assim, ficaram eleitos o Engo Riera para Presidente e o Engo Danesi para Vice-Presidente.

 

10) ESCOLHA DA SEDE E DATA DAS XXXII JORNADAS

            O Engo Riera informou que recebeu uma proposta do Engo Demarzo da UNICAMP (Brasil) para a realização das XXXII Jornadas e fez comentários favoráveis a mesma. Ele também colocou que o Engo Demarzo fez propostas alternativas da localização da sede das Jornadas, que poderão ocorrer nas cercanias de Campinas.

            O Engo Dario Klein pediu a palavra para perguntar se o Engo Demarzo será o presidente do evento. O Engo Demarzo respondeu que “a priori” sim.

            Colocada em votação a escolha da sede das XXXII Jornadas, o resultado foi o seguinte: 13 (treze) votos à favor; nenhum voto contra, 8 (oito) abstenções. Sendo assim, o Engo Demarzo e a UNICAMP foram homologados para presidir e sediar às XXXII Jornadas.

            Logo a seguir, o Engo Riera convidou o Engo Demarzo a integrar a mesa e fazer um convite aos demais membros para participarem do evento das XXXII Jornadas.

            De posse da palavra, o Engo Demarzo salientou a presença de outro representante da UNICAMP na Assembléia, o Engo Francisco Carlos Menezes. Também, apresentou alguns dados referentes a UNICAMP e se comprometeu a realizar um grande evento.

 

11) ALTERAÇÃO DOS ESTATUTOS / GERENCIAMENTO FINANCEIRO

            O Engo Riera expõe as dificuldades legais na administraçao da Associação devido a disposições dos estatutos. A seguir, propõe a alteração da duração do mandato da Comissão Diretiva de 2 (dois) anos para o período compreendido entre duas Jornadas consecutivas. A proposta é aprovada por unanimidade pelos membros da Assembléia.

            O presidente da ASAEE, Engo Riera, também expõe a dificuldade atual para fazer o gerenciamento financeiro da entidade e coloca a exigência de alteração dos estatutos para viabilizar este gerenciamento. Ele explicou que atualmente são necessárias as assinaturas de duas pessoas em cada cheque emitido pela entidade, e propôs a alteração dos estatutos para que os cheques possam ser assinados por apenas uma pessoa. A proposta é aprovada por unanimidade.

            A seguir se coloca a necessidade de definir as pessoas habilitadas para assinar os cheques. Depois de uma breve discussão sobre o assunto, e considerando que a entidade tem sede no Brasil e que a conta bancária é no Banco do Brasil, condições estas que sugerem a escolha de brasileiros para a função, foram sugeridas as seguintes pessoas: o Presidente, o Vice-Presidente, o Engo Dario Klein (Brasil) e uma quarta pessoa a ser definida. O Engo José Samuel Giango (São Carlos) propõe o nome do Engo Acir Louredo Souza (Brasil) para ocupar o lugar da quarta pessoa. A Assembléia aprova por unanimidade os quatro nomes.

            Assim, ficam habilitados pela Assembléia da ASAEE os seguintes membros para assinar cheques da instituição: Engo Jorge Daniel Riera; Engo Rodolfo Danesi; Engo Dario Lauro Klein e o Engo Acir Louredo Souza. 

            Na continuidade, o Engo Riera propõe uma alteração do Estatuto da ASAEE, criando  o cargo de Secretário Executivo, sendo sugerido o nome do Engo Dario Lauro Klein para ocupá-lo. A proposta é aceita por unanimidade pela Assembléia.

12) ASSUNTOS DIVERSOS

12.1) Nova Comissão Diretiva da ASAEE

Após as eleições do Presidente e do Vice-Presidente, a nova Comissão Diretiva da ASAEE fica assim constituída:

            PRESIDENTE: Engo Jorge Daniel Riera (Brasil)

VICE-PRESIDENTE: Engo Rodolfo Danesi (Argentina)

SECRETÁRIO EXECUTIVO: Engo Dario Lauro Klein (Brasil)

            MEMBRO I: Engo Guilherme Sales de Melo (Brasil 2002)

            MEMBRO II: Engo Carlos Llopiz (Argentina 2004)

            MEMBRO III: Engo Mauro Augusto Demarzo (Brasil 2006)

 

12.2) Alteração dos estatutos e outras disposições regimentais

a) Alteração no mandato da Comissão Diretiva de 2 (dois) anos para o período compreendido entre duas Jornadas consecutivas.

b) Alteração do número de pessoas necessárias para assinar cada cheque emitido pela associação: de duas pessoas para apenas uma pessoa. Os membros responsáveis pela assinatura dos cheques são, até disposição em contrário:

- Presidente – Engo Jorge Daniel Riera (Brasil)

- Vice Presidente – Engo Rodolfo Danesi (Argentina)

- Engo Dario Lauro Klein (Brasil)

- Engo Acir Louredo Souza (Brasil)

c) Inclusão do cargo de Secretário Executivo, ocupado atualmente pelo  Engo Dario Lauro Klein (Brasil), previsto nos Estatutos como secretário.

 

12.3) Aprovação da Prestação de contas

Os Engo Ronaldo Batista (Brasil) e Engo Ricardo Daniel Ambrosini (Argentina) aprovaram a prestação de contas feita pelo Engo Dario Lauro Klein (Brasil).

 

            Nada mais havendo para ser tratado, foi dada por encerrada a sexta Assembléia da ASAEE pelo Presidente Engo Jorge Daniel Riera, da qual para constar e para os devidos fins, foi lavrada a presente Ata.

 

 

Leave a Reply

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline