Ata da Primeira Assembléia Geral da ASAEE

ATA DA PRIMEIRA ASSEMBLÉIA GERAL
PARA CRIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO SUL AMERICANA DE ENGENHARIA ESTRUTURAL E ASSEMBLÉIA DE ENCERRAMENTO DAS “XXV JORNADAS SUL-AMERICANAS DE ENGENHARIA ESTRUTURAL”

 

 Faça Download do PDF da Ata  pdficon_large    get_adobe_reader 
  


DATA: 15 de novembro de 1991

HORÁRIO: 14 horas

LOCAL: Sala Itapema do Centro de Convenções São José
  Hotel Plaza São Rafael
  Porto Alegre – RS – BRASIL

 

1. Presentes: vide Lista de Presença em anexo

2. Ordem do dia:
- Abertura (prof. Dario L.Klein)
- Eleição do Secretário da Assembléia
- Aprovação da Ordem do Dia
- Proposta de Formação da Associação Sul Americana de Engenharia
Estrutural, apresentada pelo prof. J.D.Riera
- Discussão dos Estatutos
- Aprovação dos Estatutos
- Eleição da Sede das Jornadas 93
- Eleição da Sede da Secretaria da Associação
- Eleição da Sede das Jornadas 95
- Eleição do Presidente e Vice-Presidente da Associação
- Assuntos gerais

 

3. Pauta:

3.1. Foi apresentada nesta Assembléia de encerramento das XXV Jornadas Sulamericanas de Engenharia Estrutural pelo prof. Dario Klein, os membros que compuseram a Comissão Organizadora do Evento, a saber:

- Américo Campos Filho
- Francisco P.S.L. Gastal
- Joaquim Blessmann
- João L. Campagnolo
- Jorge D.Riera
- José C.F.Hennemann
- José L.Duarte Ribeiro

O Prof. Dario agradeceu a presença dos presentes, salientando a importância desta participação para o sucesso do evento.

3.2. Foram projetadas para fins de conhecimento, os índices de comparecimento /participação nas XXV Jornadas da seguinte forma:

3.2.1. Transparência 1

-TOTAL DE INSCRIÇÕES PRELIMINARES 509
-TOTAL DE PARTICIPANTES (inscrições que se confirmaram) 255
-TOTAL DE RESUMOS ENVIADOS 321
-TOTAL DE TRABALHOS PUBLICADOS NOS ANAIS (aprovados pela Comissão Julgadora) 208
-TOTAL DE TRABALHOS APRESENTADOS NAS
JORNADAS 141

3.2.2. Transparência 2

DISTRIBUIÇÃO DE PARTICIPANTES POR PAÍS
- Brasil 82.4 %
- Argentina 7.0 %
- Chile 3.9 %
- Uruguai 3.2 %
- Espanha 1.2 %
- Paraguai 0.8 %
- Colômbia 0.5 %
- Peru 0.5 %
- Venezuela 0.5 %

3.2.3. Transparência 3

DISTRIBUIÇÃO DE TRABALHOS POR TEMA
- Estruturas 70.9 %
- Materiais 13.6 %
- Patologia 11.7 %
- Controle de Qualidade 3.9 %

3.2.4. Transparência 4

DISTRIBUIÇÃO DE TRABALHOS POR PAÍSES
- Brasil 73.6 %
-
Chile 9.6 %
- Argentina 8.7 %
- Espanha 2.9 %
- Uruguai 2.4 %
- Peru 1.4 %
- Colômbia 1.0 %
- Venezuela 0.4 % 3.3. Foi votada a ordem do dia, tendo sido aprovada a seguinte proposta de discussão:

1o – Eleição das Sedes  para  realização  das  próximas Jornadas de 1993 e 1995;
2o – Discussão da fundação da Associação Sul Americana de Engenharia Estrutural.

3.4. Para votação da Sede das próximas Jornadas, foram lançadas as seguintes proposições:

- realização em Buenos Aires - ARGENTINA

- realização em Tucumán – ARGENTINA

- realização em Montevideo - URUGUAI

- realização em São Carlos-SP - BRASIL 3.4.1. O prof. Arturo J.Bignoli defendeu a realização das Jornadas em Montevideo, expressando o desejo dos Uruguaios de serem contemplados com a aprovação da solicitação, tendo salientado também o valor técnico e emocional da realização das Jornadas.

3.4.2. O prof. Gerardo Rodriguez referendou a defesa do prof. Bignoli, mencionando que eles possuem toda a infra-estrutura para tal, contando com o respaldo da Facultad de Ingenieria de Montevideo.

3.4.3. O prof. Hugo Yentel retirou a candidatura de Buenos Aires em favor de Montevideo.

3.4.4. Da mesma forma, o prof. Roberto O.Cudmani retirou a candidatura de Tucumán como sede para 93 em favor de Montevideo, mas expressou o desejo de que em 95 a sede escolhida fosse a de Tucumán.

Pelo exposto acima, foi aprovado a realização das  “XXVI Jornadas Sul- americanas de Engenharia Estrutural” (1993) em Montevideo, sob a presidência do prof. Gerardo Rodriguez, conforme referendado pela Assembléia.

Para 1995, permaneceram duas propostas: 3.4.5. Sede na Argentina (Tucumán ou Buenos Aires);
3.4.6. Sede em São Carlos-SP (Brasil).  Para tal, foi entregue pelo eng. Eduardo Horta uma proposta por escrito em nome do grupo de São Carlos, a qual foi lida pelo prof. Dario Klein.

3.5. O prof. Jorge Riera propôs uma alteração/inversão na ordem do dia, justificando que é muito grande a responsabilidade da organização das Jornadas, sendo necessário portanto que um grupo se responsabilize pelas mesmas.  Além disto, sugere também que não se escolha ainda a sede para 1995, pois um intervalo de 4 anos é de muita antecedência.  Assim sendo, propôs que a ordem das votações seja mudada e se discuta a seguir a fundação da Associação Sul Americana.  A proposta foi acatada pela Assembléia.

3.6. Mudada a Ordem do Dia, foi exposto pelo prof. J.Riera que a fundação dessa ASAEE visa, a princípio, institucionalizar a realização das Jornadas, idéia esta surgida através da necessidade da criação de um mecanismo de apoio às Jornadas, especialmente quando a mesma ‚ realizada fora do eixo Brasil-Argentina.  No caso da presidência, haveria uma escala sucessória, sendo que deveria ser exercida pelos três últimos presidentes das Jornadas, conforme especificado nos Estatutos por ele elaborado.  Da mesma forma, seria criado um Comitê Científico a fim de auxiliar o pessoal envolvido na Comissão Organizadora, objetivando estabelecer um mecanismo que se responsabilize pela realização das jornadas, no futuro.

3.7. Com a palavra, o prof. Hugo Yentel, Presidente da Associação dos Engenheiros Estruturais da Argentina, defende  que todas as decisões devam ser tomadas de forma mais democrática.  Aprova a iniciativa da criação da Associação, no entanto, critica a falta de divulgação e antecedência com que o Estatuto foi submetido a apreciação dos interessados.  Menciona que a associação de pessoas físicas é instável.  Com base no exposto, lançou a proposta da fundação de uma “Federação Sul Americana de Engenharia Estrutural” (cópia em anexo, que também foi distribuída aos presentes), que teria basicamente a vinculação de Entidades, sendo deste forma uma Associação de Pessoas Jurídicas.  Sugere um prazo maior para que os futuros sócios votem por uma das propostas.

3.8. O prof. Jorge Riera, relator dos Estatutos, justificou que não remeteu cópia do mesmo, bem como a proposta da Fundação da ASAEE anteriormente a todos os participantes, por questões de custo, sendo por isto que optou pela divulgação pessoal a colegas em Santa Fé, Tucumán, Rosário, Buenos Aires, Santiago do Chile, São Carlos, Rio de Janeiro e Montevideo.  Sugere que as propostas sejam votadas imediatamente.  Quanto a Sede para a ASAEE, manifestou a disposição da Escola de Engenharia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, em ceder suas instalações e infra-estrutura para tal, assumindo os custos do empreendimento.  Esclareceu que a sede não precisa necessariamente ser permanente, pode ser rotativa, conforme aprovar esta Assembléia.

3.9. O prof. Arturo Bignoli defendeu a escala sucessória proposta pelo prof. Jorge Riera, para o caso particular das Jornadas, bem como, a Associação de Pessoas Físicas.  Mostrou-se favorável a aprovação de uma Sede Permanente, por achar que o aspecto utilitário seja facilitado desta forma.

3.10.  Após as manifestações do plenário, foram colocadas em votação as duas propostas seguintes:

3.10.1. PROPOSTA 1

- Fundação  da  “Associação Sul Americana de Engenharia Estrutural” (Associação de Pessoas Físicas), e

3.10.2. PROPOSTA 2

- Fundação  da  “Federação Sul Americana de  Engenharia Estrutural” (Associação de Pessoas Jurídicas)

Foi aprovada pela Assembléia a PROPOSTA 1 com a seguinte votação:

- 44 votos favoráveis
- 05 votos contra
- 01 abstenções

A seguir, procedeu-se à discriminação dos membros admitidos na associação, conforme lista anexa.

3.11. O prof. Dario Klein acusou o recebimento de duas propostas de alterações dos Estatutos da ASAEE, encaminhadas pelos srs. Hector Agostini e Hugo Yentel, que já foram entregues ao prof. Riera.  O prof. Dario Klein propôs que cada um dos presentes estudasse o conteúdo dos Estatutos, para que levassem suas sugestões para o caso de eventuais alterações na próxima Reunião da Associação, que deverá ser em Montevideo.

3.12. O prof. Jorge D.Riera apresentou uma proposta alternativa para organização da Comissão Diretiva da Associação, que teria 3 cargos rotativos assim dispostos:

- Presidente das Jornadas (2 anos, podendo ser reeleito)
- Vice-Presidente (2 anos, podendo ser reeleito)
- E em adição ao Estatuto original, a criação de uma Sub-Comissão diretiva (3 membros – 6 anos, escala sucessória). 3.13. Lançadas à votação as seguintes proposições:

3.13.1. PROPOSTA 1

- Permanência da Associação com seu Estatuto original e Conselho Diretivo (Presidente Autônomo).

3.13.2. PROPOSTA 2

- Alteração do Estatuto original – Associação presidida por uma Comissão.

Foi aprovada pela Assembléia a PROPOSTA 1 com a seguinte votação:

- 36 votos favoráveis
- 05 votos contra
- 04 abstenções

3.14. Em discussão a eleição da sede das Jornadas para o ano de 1995 e respectiva indicação de presidência, foram lançadas as seguintes proposições:

3.14.1. PROPOSTA 1

- Tucumán (Argentina)

3.14.2. PROPOSTA 2

- Buenos Aires (Argentina)

3.14.3. PROPOSTA 3

- São Carlos, SP (Brasil)

Foi sugerido pelo prof. Juan Cassis a retirada da PROPOSTA 3.  A sugestão foi aprovada.

Foi aprovado por unanimidade pela Assembléia a realização das XXVII Jornadas Sul Americanas (1995) em Tucumán, vencendo portanto a PROPOSTA 1, sob a presidência do sr. Rodolfo Danesi.

3.15. Em questão a votação da Comissão Diretiva da Associação, o Engo Roberto Cudmani propôs que o Prof. Julio Ricaldoni fosse designado Presidente Honorário da Associação.  A seguir, o Engo Cudmani propôs para a Presidência o nome do Engo Arturo Bignoli, e para a Vice-Presidência o Engo Joaquim Blessmann.  As proposições foram aprovadas por aclamação pela Assembléia.

3.16. Foi aprovado pelo Plenário, por aclamação, a proposta para Sede Permanente da Associação em Porto Alegre, especificamente no Curso de Pós-Graduação em Engenharia Civil.

Nada mais havendo para ser tratado, o Coordenador da Assembléia, prof. Dario Lauro Klein,  declarou encerrada a reunião, da qual para constar e para os devidos fins, foi lavrada a presente ata.

VISTO: MARIA ALEJANDRA RIERA BING

OAB/RS 24035

Comments are closed.

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline